História

  • Almas sem Fardas

    Autor: Sergio Amaro

    Você encontrará as lutas e conquistas, obstáculos e desembargos destes trabalhadores (as) lotados na Marinha, Exército e Aeronáutica. Tudo em uma breve memória dos mesmos pelo Brasil.

    O autor Sergio Amaro descreve neste livro a trajetória oculta, porém, informativa sobre nossos heróis, isto é, "Almas sem Fardas".
     
     
                                                                 Profª Michele Moreira
  • O Livro da Vovó

    Autor: Arlys Jerônimo de Oliveira Lima Lino Carneiro

     Livro de histórias reais, com algumas adaptações, explorando competências de cidadania, antropologia, geografia, ecologia e sustentabilidade.

    O livro escrito originariamente em portugês, com versões correspondentes em inglês e espanhol, permite que estudantes juvenis e adultos possam fazer uma leitura comparativa nos três idiomas.
    Destina-se aos alunos do Ensino Médio, universitários de língua portuguesa/inglesa/espanhola, bem como a alunos de cursos livres e ao público em geral.
  • O Diário que Achei!

    Autor: Jacob de Oliveira

     A impressão que se tem é realmente de estar vivendo a história junto com os personagens; que horas você sorri, horas você chora. A cada página do diário existe uma surpresa. A história comovente nos deixa curiosos para saber o que vem pela frente. Muito impressionante creio que este livro será o livro de romance do ano; podendo até mesmo virar um filme. Vale muito apena adquirir este maravilhoso livro que traz temas da vida real para se tomar exemplo em nosso cotidiano. Parabenizo o autor Jacob de Oliveira por tão bela obra de literatura.

     
  • “As aventuras do gosto: O Restaurante Al Manzul de Cuiabá como expressão daculinária árabe’’

    Autor: Maria Cristina Rodrigues Fernandes

     Este livro conta a história de um jovem libanês, sonhador, que atravessa o oceano em busca de satisfação pessoal e riqueza. Cheio de sonhos ele chega à cidade de Cuiabá e inicia sua vida como mascate, trabalha junto com o tio e, com o passar dos anos, consegue abrir uma lojinha. O tempo transcorre e ele se apaixona por uma brasileira. Por razões étnicas, o caso se transforma em um “amor proibido”, pois a sua família tenta impedir a união do casal. Todavia, ele resiste aos apelos familiares e casa-se com a mulher que ama. Com o passar dos anos ele e sua bela esposa, uma exímia cozinheira, abrem as portas de um estabelecimento que viria a ser o melhor restaurante árabe do Brasil e um dos melhores do mundo. Este restaurante é hoje conhecido em nível nacional e internacional, constituindo uma rica expressão da milenar cozinha árabe, de forte presença transnacional. Desta forma, sem perder suas qualidades específicas, o referido restaurante, que se destaca no universo gastronômico, já recebeu muitos prêmios pela qualidade de sua comida. Assim, pretende-se evidenciar como o sucesso do restaurante Al Manzul, de Cuiabá, além da boa alimentação oferecida, constituiu-se num verdadeiro patrimônio local, uma vez que o Al Manzul criou espaços de encontros e de acolhimentos que, por meio dos gostos e das preferências, permitem a identificação e a valorização da comida árabe, que começou com o amor de Clarimam e Salah Ayoub

Desenvolvedor SA DesenvolvedorSA & ArpaDesign arpaDesign © Editora Nelpa | Todos os direitos reservados.