Sergio Amaro

Sergio Amaro

 O autor trabalhou de 1984 a 2014 no Comando da Marinha como operário. Atuou e ainda atua como ativista social em movimentos.

Formou-se em História no ano de 2010 pela MSB; em 2012 cursou pós-graduação na FEUC no Rio de Janeiro.
Por conviver com muitas injustiças, nasceu a inspiração para a construção desta memória. Com isso, coloca o seu pensamento a serviço do coletivo em que vive e participa.
  • Almas sem Fardas

    Segmento: História

     Este livro mostra que a história é repetitiva. O autor acompanha traços históricos dos trabalhadores nos órgãos militares, desde o 1º ciclo Industrial Militar até a Estratégia Nacional de Defesa atualmente.

    Evidentemente, algumas coisas do passado ainda estão em evidencia, as ideias liberais, o relacionamento entre militar e trabalhador, ora, os civis lotados nos Comandos Militares são como outros trabalhadores brasileiros de profissões variadas, submetidos á subalternidade vendendo a mão de obra barata. Além disso, sofre ameaça com desmonte do serviço público, a terceirização, a quarteirização, a falta de concurso público somados aos problemas oriundos das medidas capitalistas ao longo do tempo .
    A ponte para essas dificuldades confiar em Deus, conscientização política, uma educação de senso critico acompanhada do enfrentamento ideológico. Nesse sentido, a reflexão na obra busca, desde já, a necessidade de uma consciência popular. 
Desenvolvedor SA DesenvolvedorSA & ArpaDesign arpaDesign © Editora Nelpa | Todos os direitos reservados.